Seagri

 Quarta-feira, 26.11.2014

 PROGRAMA PROTEÇÃO DE NASCENTES
As minas dágua são tradicionalmente protegidas de forma rudimentar desde os tempos da colonização de nossa cidade para obtenção de água de beber das familias rurais e para dessedentação dos animais domésticos. Este processo rudimentar causa transtornos gastro intestinais pois não protege adequadamente a água, tendo ocorrido até a presença de roedores e outros animais silvestres nestes locais. Outro problema comum é a construção de fossas sépticas próximas das nascentes, ocorrendo contaminação do lençol freático.



As minas, após limpeza adequada, apresentam maior afluxo d água;

A utilização inadequada por parte dos produtores que usam estas águas para abastecerem os pulverizadores são potenciais perigos de contaminação ambiental.

As minas  sem proteção adequada, sofrem com o assoreamento e deposição de sedimentos, ocasionando má qualidade da água tornando-se imprópria para o consumo.

O local assoreado forma contra corrente ocasionando a morte gradual do veio dágua que eclode no local.

O plantio de essências nativas é exigido num raio mínimo de 50 metros sendo de suma importancia pois evita o assoreamento e entrada de dejetos, mantém a umidade local e a consequente manutenção do veio d´água funcionando também como filtro natural contra outros contaminantes.

A presença de manejo e conservação de solos é fundamental para manter nas propriedades as reservas naturais de águas e evitar a condução de contaminantes e assoreantes dos solos de cultivo para as áreas de mananciais, que ocorrem atrávés das enxurradas que se constituem ameaças cada vez mais presentes em nossa região.

 

 

 

 

 

O PROGRAMA PROTEÇÃO DE NASCENTES da Secretaria de Agricultura-SEAGRI- consiste em promover a conservação da fonte permitindo o livre escoamento de água, água esta provida de potabilidade e qualidade sanitária, provendo saúde aos seus consumidores.

Aos beneficiados é orientado que seja feita a manutenção permanente da fonte e da área ao entorno da nascente de 50 metros de raio, cercar a mesma para não permitir o acesso aos animais que por ventura possam ir defecar no local que possam contaminar novamente a água e destruir a vegetação pelo pisoteio. É orientado também, a troca das caixas de amianto pelas novas caxas de pvc ou fibra e proceder a lavagem das caixas d´água pelo menos a cada seis meses.A cada tres meses, é necessáriofazer o processo de desinfecção da nascente utilizando produto á base de cloro.