MAG Software - MAGPessoal
Usuário desconhecido
Voltar á página principal

PROJETO "YOGA LABORAL"

PROJETO

A prefeitura de Cascavel, através da Seplag ( Secretaria de Planejamento e Gestão) iniciou nesta quinta feira (25) o projeto ‘Yoga Laboral’ que envolve a participação de servidores municipais. “O objetivo da prática é de promover e prevenir à saúde dos trabalhadores e melhorar sua qualidade de vida. Vamos realizar esta prática em novas oportunidades para que mais servidores sejam beneficiados”, informou Vanilse da Silva Pohl, Diretora do Departamento de Gestão de Pessoas. A ação também visa comtemplar o previsto na Política de Valorização do Servidor, instituído por meio do decreto nº 14.065/2018, embasado no Pilar “Qualidade de Vida”, com ações que objetivam a melhoria contínua no local de trabalho, proporcionando um ambiente adequado para as práticas laborais e ações de promoção a hábitos de vida mais saudáveis. 
O Yoga é uma técnica milenar oriental que proporciona melhorias na capacidade respiratória e na estrutura muscular, diminuindo os níveis de ansiedade, aumentando o autocontrole e o foco na concentração. 

O encontro foi realizado no auditório da prefeitura e contou com a participação de 81 servidores e estagiários da Sefin (Secretaria de Finanças).Foi realizada uma palestra de iniciação ao tema. A palestra foi ministrada pela professora de yoga, Crislaine Branco, a mais de 20 anos, mestre em reeducação respiratória.

Benefícios da prática:

Com a prática do Yoga a intenção é proporcionar aos servidores menos stress e ansiedade para realizarem os atendimentos, controle das emoções, redução no número de faltas, menos gastos com saúde, funcionários mais ativos e mais focados, aumento da autoconfiança, promoção do equilíbrio físico e mental, diminuição ou erradicação do stress no ambiente de trabalho.

____________________________________________________________________________________________________________ 

Trezentos servidores municipais concluíram hoje (14), no Auditório da Prefeitura de Cascavel, mais uma etapa de capacitação. Divididos em 15 turmas, com 600 horas de treinamento, os ACEs (Agentes de Combate a Endemias) e ACS (Agentes Comunitários de Saúde) foram certificados por meio do Projeto de Qualificação e Desenvolvimento de Pessoas.

A capacitação ministrada pelo professor Renato Oliveira teve por objetivo refletir sobre as habilidades e oportunidades de desenvolvimento com base na autoestima e no otimismo, desenvolver a harmonia e sinergia nas relações interpessoais e no trabalho em equipe, estimular o envolvimento positivo com as pessoas, oportunizando formas de lidar com situações conflitantes e difíceis e ainda dar as principais bases do desenvolvimento pessoal, profissional e da motivação.

Nesta tarde, o grupo participou da palestra "Não tenho tudo que amo, mas amo tudo o que tenho?" ministrada por Eloni dos Santos Castro, consultora sistêmica empresarial, certificada em coach e master/training em programação neurolinguística.

O ACS e o ACE são profissionais de grande importância para nossa população, uma vez que percorrem as ruas do Município visitando as residências e os moradores buscando sempre promover a saúde e prevenir doenças, seja pela atenção individual aos membros da família - como é o caso do agente comunitário de saúde -, seja pela observação do ambiente familiar e da residência, como é o caso do agente de combate às endemias.

É fundamental para o trabalho de proteção que o agente comunitário de saúde e o agente de combate às endemias desenvolva a tarefa de mapear e cadastrar os dados sociais, demográficos e de saúde de cada membro das famílias e de cada residência ou rua, a fim de que sejam consolidadas e analisadas todas as informações obtidas em campo, indispensáveis para a programação, avaliação e reprogramação de todas as ações de saúde e de combate às endemias implementadas na localidade.

Estes dados coletados e sistematizados pelos agentes são fundamentais não só para a identificação e acompanhamento dos indivíduos ou grupos que necessitam de cuidados especiais de saúde ou das residências com problemas de saneamento, mas também para subsidiar a elaboração, acompanhamento e avaliação de políticas públicas na área de saúde, em nível local, estadual e nacional, além de mobilizar a população para as reuniões do conselho de saúde e para sensibilizar a comunidade para campanhas e para a convivência saudável.

 


Mais Notícias

02.10.2018POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO - 1ª RODADA DO CAMPEONATO DE BOLICHE

26.09.2018POLÍTICA DE VALORIZAÇÃO - DIA DO FARMACÊUTICO

25.09.2018PLANO DE VALORIZAÇÃO - CURSO EAD PLANEJAMENTO DA DEMANDA DE COMPRAS

16.08.2018PROFESSORA DA REDE MUNICIPAL LANÇA LIVRO

14.08.2018PLANO DE VALORIZAÇÃO - HOMENAGEM DIA DOS PAIS

 

Ouvidoria

Serviços

Informações PIS/PASEP

Ouvidoria

Prefeitura Municipal de Cascavel Rua Paraná, 5000 - Centro - CEP: 85810-011 - Telefone: (45) 3321-2020 Copyright © 2010-2019 - Todos os direitos reservados. - Desenvolvido por Life2 Comunicação