03/05/2016 - Semana do Microempreendedor: Oficina SEI Empreender será nesta terça
Na noite desta terça-feira (3), será realizada a primeira oficina da Semana do Microempreendedor Individual – 2 a 6 de maio, realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, por meio da Sala do Empresário e Programa Empresa Fácil, em parceria com o Sebrae. A Oficina SEI Empreender – Assumindo o controle, vencendo dificuldades, valorizando o sucesso será realizada às 19 horas, na sala de treinamentos da Prefeitura. O encontro será conduzido por Paulo Zatti, credenciado do Sebrae. Durante esta semana, na Sala do Empresário, microempreendedores individuais podem contar com atendimento para declaração do imposto de renda de pessoa jurídica, consultorias em gestão, orientações para regularização da empresa; além de participar de palestras. O atendimento para formalização de empresas também está sendo realizado. Outras palestras estão programadas para os dias 4 e 23 de maio. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pessoalmente, na Sala do Empresário localizada no Paço Municipal, ou pelos telefones 3321-2072 e 3321-2073. O horário de atendimento, na Sala, é das 8h30 às 16 horas para abertura e fechamento de empresa; e das 8h30 às 17 horas para demais serviços. Cronograma palestras 03/05 – 19 horas: Oficina SEI Empreender – Assumindo o controle, vencendo dificuldades, valorizando o sucesso. Facilitador Paulo Zatti, credenciado do Sebrae. A oficina que será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura, tem como público alvo os microempreendedores individuais. São 30 vagas, para participar é necessário ter o CNPJ. 04/05 – 19 horas: Palestra Como atrair e manter clientes? Ministrada pelo professor do curso de Administração da Univel, Rodrigo Cardoso. São 40 vagas destinadas a microempreendedores individuais e outros interessados. A capacitação será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura. 23/05 – 20 horas: Palestra Como administrar suas finanças pessoais – Porque é em tempos de crise que aprendemos a trabalhar com finanças. Ministrada pelo professor coordenador do curso de Ciências Contábeis da Unipar, Jony S. Wischneski, a palestra será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura. São 40 vagas destinadas a microempreendedores individuais e outros interessados.
26/04/2016 - Maio terá Semana do Microempreendedor Individual
A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, por meio da Sala do Empresário e Programa Empresa Fácil, em parceria com o Sebrae, realizará de 2 a 6 de maio a Semana do Microempreendedor Individual. Durante esses dias, na Sala do Empresário, microempreendedores individuais poderão contar com atendimento para declaração do imposto de renda de pessoa jurídica, consultorias em gestão, orientações para regularização da empresa; além de participar de palestras e oficina SEI Empreender. O atendimento para formalização de empresas também será realizado. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pessoalmente, na Sala do Empresário localizada no Paço Municipal, ou pelos telefones 3321-2072 e 3321-2073. O horário de atendimento, na Sala, é das 8h30 às 16 horas para abertura e fechamento de empresa; e das 8h30 às 17 horas para demais serviços. Cronograma palestras 03/05 – 19 horas: Oficina SEI Empreender – Assumindo o controle, vencendo dificuldades, valorizando o sucesso. Facilitador Paulo Zatti, credenciado do Sebrae. A oficina que será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura, tem como público alvo os microempreendedores individuais. São 30 vagas, para participar é necessário ter o CNPJ. 04/05 – 19 horas: Palestra Como atrair e manter clientes? Ministrada pelo professor do curso de Administração da Univel, Rodrigo Cardoso. São 40 vagas destinadas a microempreendedores individuais e outros interessados. A capacitação será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura. 23/05 – 20 horas: Palestra Como administrar suas finanças pessoais – Porque é em tempos de crise que aprendemos a trabalhar com finanças. Ministrada pelo professor coordenador do curso de Ciências Contábeis da Unipar, Jony S. Wischneski, a palestra será realizada na sala de treinamentos da Prefeitura. São 40 vagas destinadas a microempreendedores individuais e outros interessados.
14/04/2016 - Unidade móvel da Fomento Paraná divulga linhas de crédito na região Norte
A unidade móvel da Fomento Paraná está divulgando linhas de crédito oferecidas para MEIs, empresas de pequeno, médio e grande porte, na Sede Administrativa Norte, localizada na Avenida Papagaios, no Bairro Floresta. O prefeito Edgar Bueno acompanhado do secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso, dos deputados estaduais André Bueno e Adelino Ribeiro, dos representantes da Fomento Paraná, Paulo Morva e Antonio Mileck, do coordenador regional Oeste, Severino Folador e do gerente da Sala do Empresário, Sócrates Reis acompanharam, nesta tarde (14), os trabalhos realizados no local. “O Município se uniu com o Governo do Paraná para financiar o microcrédito a pequenos negócios. Tem dinheiro à vontade e quem está formalizado tem a oportunidade de obter o empréstimo. E hoje estamos divulgando este crédito na região Norte. Conversei com os representantes da Fomento Paraná, de Curitiba, e eles estão entusiasmados com a força do nosso empresariado e este crédito veio para alavancar e gerar mais empregos, que é o que queremos para Cascavel”, destacou o prefeito Edgar Bueno. “O Governo do Paraná tem esse instrumento que tem ajudado pequenas empresas que precisam de recurso para melhorar a fachada, para comprar equipamentos, novas máquinas, para capital de giro e não tem acesso aos bancos, devido aos juros altos ofertados. A Fomento Paraná tem o melhor e menor juro, que em momento de crise dá oportunidade para que o empresário possa ampliar o seu negócio”, frisou o deputado estadual, André Bueno. “As empresas que estão precisando de recurso para ampliar a empresa encontra na Fomento Paraná boas ofertas, com juros baixos, um incentivo a mais. E fico feliz pela iniciativa de trazer a unidade móvel à região Norte, que tem crescido muito e tem mais de 300 empresas, isso mostra a força que tem essa região”, ressaltou o deputado estadual, Adelino Ribeiro. As linhas de crédito do Banco do Empreendedor - Fomento Paraná oferecem financiamentos com taxas de juros subsidiados, que atendem desde empreendedores informais e microempreendedores individuais (MEI) até pequenas e médias empresas. “Toda pessoa que tiver uma atividade empreendedora pode buscar crédito de R$ 300 a R$ 20 milhões, o microcrédito é até R$ 15 mil, com juro de 0,61% ao mês. Este trabalho de formalização da Prefeitura e Sebrae e o crédito da Fomento vem agregar aos empresários da região Norte, onde foram investidos R$ 12 milhões em infraestrutura e agora abrimos o crédito para a área privada”, informou o gerente de relações institucionais da Fomento Paraná, Paulo Morva. Podem se beneficiar empreendedores formais e informais, nos ramos comercial, industrial e de serviços, que necessitam de crédito para melhorias ou ampliação das atividades. Podem ser financiados máquinas e equipamentos, construções, ampliações, reformas ou modernização de empreendimentos, veículos utilitários e, também, capital de giro associados ao investimento principal. O financiamento tem taxas de juros a partir de 0,61% até 1,13% ao mês. É disponibilizado até R$ 15 mil para microempreendedores individuais formalizados há mais de seis meses. Para pessoas físicas que desenvolvem atividades empreendedoras, o valor é de até R$ 7,5 mil com as mesmas taxas de juros de pessoa jurídica. Também oferece uma linha de crédito especial para taxistas, que tem por objetivo facilitar a renovação da frota de táxis, com financiamentos em até 60 meses, com carência de 75 dias para pagamento de veículos até R$ 50 mil a taxas que variam de 0,99% a 1,49%. Linha de financiamento destinada a profissionais autônomos para aquisição de veículos utilitários de transporte coletivo do tipo van, novos, para uso no transporte escolar e no fretamento turístico. Estão disponíveis para a nova linha de crédito R$ 10 milhões, até 31 de dezembro de 2015. O valor mínimo financiado deve ser de R$ 30 mil e o máximo de R$ 80 mil, podendo ser de até 100% do valor do veículo. CRÉDITO - Além de servir para compra de novos veículos, o financiamento também poderá ser utilizado para conversão do veículo para uso de gás natural veicular e instalação de equipamentos necessários para o exercício da atividade, conforme regras do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O prazo de amortização é de 60 meses e a taxa varia de 17,88% a 18,72% ao ano (1,49% a 1,56% ao mês). Somente um veículo pode ser financiado para cada CPF ou CNPJ. O tomador do crédito deve comprovar a posse de autorização, permissão ou concessão do Poder Público para exercer a atividade e estar devidamente registrado nos órgãos municipais competentes. Em Cascavel, os financiamentos são feitos por meio do Banco do Empreendedor, Sala do Empresário – no térreo do Paço Municipal e na Sede Administrativa Região Norte. Visita a obras As autoridades também visitaram as obras do Conjunto Habitacional Riviera, que está em fase final de construção. Na sequência, o prefeito Edgar Bueno e o secretário de Desenvolvimento Econômico vistoriaram uma área localizada próximo ao Morumbi, onde o Município pretende construir um novo núcleo industrial.
08/04/2016 - Unidade Móvel da Fomento Paraná realiza programa especial de crédito
Na próxima semana - de 12 a 14 de abril - a unidade móvel da Fomento Paraná estará no Município de Cascavel para divulgação de linhas de crédito oferecidas para MEIs, empresas de pequeno, médio e grande porte. O programa especial de crédito será realizado das 9 às 17 horas na Sede Administrativa Norte, localizada na Avenida Papagaios, 1.127, no Bairro Floresta. De acordo com a agente de crédito Edinéia Todeschini, muitas pessoas desconhecem a oferta de crédito e, por isso, ainda permanecem na informalidade, sem expandir os negócios. Por isso, agentes de crédito estarão à disposição para esclarecimento de dúvidas sobre os financiamentos. As linhas de crédito do Banco do Empreendedor - Fomento Paraná, oferecem financiamentos entre R$ 300,00 e R$ 3 milhões, com taxas de juros subsidiados, que atendem desde empreendedores informais e microempreendedores individuais (MEI) até pequenas e médias empresas. Podem se beneficiar empreendedores formais e informais, nos ramos comercial, industrial e de serviços, que necessitam de crédito para melhorias ou ampliação das atividades. Podem ser financiados máquinas e equipamentos, construções, ampliações, reformas ou modernização de empreendimentos, veículos utilitários e, também, capital de giro associados ao investimento principal. O financiamento tem taxas de juros a partir de 0,61% até 1,13% ao mês. É disponibilizado até R$ 15 mil reais para microempreendedores individuais formalizados há mais de seis meses. Para pessoas físicas que desenvolvem atividades empreendedoras, o valor é de até R$ 7,5 mil reais com as mesmas taxas de juros de pessoa jurídica. Também oferece uma linha de crédito especial para taxistas, que tem por objetivo facilitar a renovação da frota de táxis, com financiamentos em até 60 meses, com carência de 75 dias para pagamento de veículos até R$ 50 mil a taxas que variam de 0,99% a 1,49%. Linha de financiamento destinada a profissionais autônomos para aquisição de veículos utilitários de transporte coletivo do tipo van, novos, para uso no transporte escolar e no fretamento turístico. Estão disponíveis para a nova linha de crédito R$ 10 milhões, até 31 de dezembro de 2015. O valor mínimo financiado deve ser de R$ 30 mil e o máximo de R$ 80 mil, podendo ser de até 100% do valor do veículo. CRÉDITO - Além de servir para compra de novos veículos, o financiamento também poderá ser utilizado para conversão do veículo para uso de gás natural veicular e instalação de equipamentos necessários para o exercício da atividade, conforme regras do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). O prazo de amortização é de 60 meses e a taxa varia de 17,88% a 18,72% ao ano (1,49% a 1,56% ao mês). Somente um veículo pode ser financiado para cada CPF ou CNPJ. O tomador do crédito deve comprovar a posse de autorização, permissão ou concessão do Poder Público para exercer a atividade e estar devidamente registrado nos órgãos municipais competentes. Em Cascavel, os financiamentos são feitos por meio do Banco do Empreendedor, Sala do Empresário – no térreo do Paço Municipal e na Sede Administrativa Região Norte.  
04/04/2016 - Edgar Bueno recebe homenagem como Prefeito Empreendedor
O prefeito Edgar Bueno foi homenageado, nesta tarde (4), no auditório do Sebrae em Curitiba, como Prefeito Empreendedor do Paraná. Cascavel concorreu com os municípios de Guarapuava e de Laranjeiras do Sul na categoria Desburocratização e Formalização e a prefeita de Laranjeiras do Sul, Sirlene Svartz, foi a vencedora. "Posso imaginar a emoção e a satisfação da prefeita Sirlene, pois em 2012 fui nacionalmente premiado com este projeto magnífico que é o Empresa Fácil, que tira muita gente do anonimato, trazendo autoestima aos pequenos e impulsionando a geração de emprego e renda. Única mulher a chegar a final, a prefeita vencedora mostra o poder da força feminina na luta por um Brasil melhor  e mais justo, com mais emprego e renda para a nossa gente", destaca o prefeito. Em maio de 2012, Cascavel conquistou o Prêmio Nacional Sebrae Prefeito Empreendedor, em sua 7ª edição, na categoria Destaques Temáticos: Formalização de Pequenos Negócios e Apoio ao Empreendedor Individual. Nessa mesma categoria, Edgar Bueno venceu, em novembro de 2011, a etapa estadual do prêmio, cuja premiação ocorreu em Foz do Iguaçu. Nesta fase final da etapa estadual do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, foram 22 finalistas entre 105 projetos inscritos. Também foram finalistas os prefeitos dos municípios de Pontal do Paraná, Arapongas e Entre Rios do Oeste (vencedor); na categoria Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Cambé e Tupãssi (vencedor), em Implementação e Institucionalização da Lei Geral; Pinhais (vencedor) e Guaraniaçu, em Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária; Fazenda Rio Grande, Umuarama e Toledo (vencedor), em Inovação e Sustentabilidade; Curitiba (vencedor), Arapongas e Entre Rios do Oeste, na categoria Melhor Projeto; Guarapuava (vencedor), Colombo e Piraquara, em Municípios Integrantes do G100; e Nova Tebas, Ribeirão Claro (vencedor) e Serranópolis do Iguaçu, em Pequenos Negócios no Campo. Os primeiros colocados de cada categoria na etapa estadual ficam classificados para a etapa nacional do Prêmio, que será realizada no dia 10 de maio, na sede do Sebrae Nacional em Brasília. Objetivos O Prêmio tem por objetivo conhecer e disseminar projetos e ações com resultados mensuráveis de estímulo aos pequenos negócios e, ao longo de oito edições, reconhece o esforço e a determinação com que as prefeituras brasileiras vêm se dedicando ao tema. "Mais do que serem reconhecidas, boas iniciativas de municípios paranaenses focadas na melhoria do ambiente de negócios das micro e pequenas empresas devem ser disseminadas como referenciais. É esse o objetivo do Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor que, pelo nono ano consecutivo, premia boas práticas do executivo municipal em todo o País", destacou o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae-PR, Edson Campagnolo, e presidente da Fiep. “Nosso objetivo é reconhecer iniciativas que tenham como foco beneficiar pequenos negócios formais ou em processo de formalização, de áreas rurais ou urbanas”, explica o gestor do prêmio no Paraná, o consultor do Sebrae/PR Luiz Marcelo Padilha. Sobre o Projeto desta edição Cascavel concorreu com o Projeto “Empreender é Fácil”, que integra várias áreas que desenvolvem atividades voltadas ao pequeno negócio, como a Economia Solidária, projetos voltados ao pequeno produtor rural, cursos ofertados pela Agrotec e por incubadoras da Fundetec, parques industriais, investimentos futuros, dentre eles a nova sede da Ceasa, o novo Centro de Convenções, novos parques industriais Citvel II e III, o Centro Logístico, o Ecoparque Digital e a implantação de software para ingressar definitivamente na RedeSim. O projeto visa à legalização dos negócios informais e dar amplitude à Lei Geral, oferecendo serviços destinados à constituição e à abertura de estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviços, bem como proporcionar acompanhamento técnico contábil, planejamento e assessoramento empresarial, além de apoiar e incentivar os pequenos negócios. “Ainda em 2009 o prefeito Edgar Bueno lançou um Programa de acesso ao empreendedor individual, oferecendo benefícios e, como contrapartida, fazer com que eles assumissem conosco o compromisso de se capacitarem. Paralelamente, foi criado um Conselho de Desenvolvimento, que auxilia no processo de condução do desenvolvimento econômico do Município e um Comitê Gestor, bem como ações que fortaleçam a implantação da Lei Geral”, conta a agente administrativa, Janete Weschenfelder. Atualmente, o projeto tem por objetivo promover a instalação de empresas de pequeno porte e de microempresas do segmento da indústria, com subsídios específicos ofertados pela Lei Geral, conforme relata o secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso. “Para tanto, implantamos o Loteamento Jaborá, hoje denominado Núcleo Industrial João Batista Cunha, onde foram licitados 11 terrenos no ano de 2012 e três terrenos no ano de 2013, com edital focado aos pequenos empresários. Além disso, auxiliamos na participação dos processos de licitação pública na Sala do Empresário”, lembra. Sala do Empresário Pensando em criar condições atrativas e estimulantes para a regularização dos empreendedores informais, o prefeito Edgar Bueno contemplou em seu Plano de Governo, o Programa Empresa Fácil, que por meio da Sala do Empresário move uma grande força inovadora da economia, que são os pequenos empreendedores. Prova disso são os comparativos desde a implantação da Sala, em maio de 2010 até o fim de 2015. Houve um crescimento de 75% no número de formalizações, mostrando que a implantação do programa modificou o cenário econômico do Município. Desde maio de 2010 foram realizados 27.381 atendimentos, emitidos 8.995 CNPJs e capacitadas 10.968 pessoas. No período quase 11 mil declarações de Imposto de Renda foram realizadas gratuitamente. A demanda exigiu ampliação de estrutura física, humana e a descentralização do atendimento na região norte da cidade. Desde dezembro de 2015, a população daquela região conta com a Sede Administrativa Norte, que engloba sete 7 bairros com cem loteamentos e congrega aproximadamente 100 mil habitantes, que até então faziam um percurso de 10 quilômetros para serem atendidos no Paço Municipal. Em três meses, já são mais de 1,6 mil atendimentos. Parceiros São parceiros do Empresa Fácil e da Sala do Empresário: Acic, Amic Oeste, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, CDL, Correios, CRC/PR, FIEP, Fomento Paraná, Jucepar, Sebrae/PR, Fecomércio PR – Sesc – Senac, Procon, Sicoob Cascavel, Sicredi, Sincovel Oeste, Sindicato Rural Patronal, Sindilojas, Unicesumar, Univel, Unioeste e Unipar. 
01/04/2016 - Prefeito Empreendedor: Cascavel é finalista na etapa estadual desta segunda
O Município de Cascavel é finalista na categoria Desburocratização e Formalização na etapa estadual do 9º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor, cujos primeiros colocados de cada uma das oito categorias serão conhecidos na segunda-feira (4) em Curitiba, em solenidade que será realizada no auditório do Sebrae-PR, em Curitiba, a partir das 13 horas. Concorrem com Cascavel os municípios de Laranjeiras do Sul e de Guarapuava. Cada Município pode se inscrever em duas das oito categorias: Melhor Projeto; Implementação e Institucionalização da Lei Geral; Compras Governamentais de Pequenos Negócios; Desburocratização e Formalização; Pequenos Negócios no Campo; Inovação e Sustentabilidade; Municípios Integrantes do G100 e Inclusão Produtiva com Segurança Sanitária. Ao todo, foram cem projetos registrados na primeira fase. Desses, 83 foram habilitados. Na Regional Oeste, 25 projetos foram classificados, dentre eles Cascavel, com o projeto “Empreender é Fácil”, junto com mais dez projetos. A cada biênio, o Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor é concedido a prefeitos que tenham implantado projetos, com resultados mensuráveis, de estímulo ao surgimento e ao desenvolvimento dos pequenos negócios, contribuindo, assim, para o crescimento econômico, social e ambiental de seus municípios. Pela regra do Prêmio, os vencedores ficam o biênio seguinte sem participar. Como Cascavel foi vitoriosa no biênio 2011/2012 nas categorias estadual e nacional, só voltou a concorrer nesta edição 2015/2016. Objetivos O Prêmio tem por objetivo conhecer e disseminar projetos e ações com resultados mensuráveis de estímulo aos pequenos negócios e, ao longo de oito edições, reconhece o esforço e a determinação com que as prefeituras brasileiras vêm se dedicando ao tema. “Nosso projeto apresenta as ações e resultados do Empresa Fácil, que por meio da Sala do Empresário que implantamos ainda em 2010 já formalizou quase 9 mil empreendedores. Tínhamos uma meta inicial de chegar a umas 3 mil empresas que estimávamos estar na informalidade e o trabalho vem sendo tão significativo que muitos dos empreendedores individuais já foram transformados em microempreendedores. Mesmo que estejamos em terceiro lugar, já somos vencedores pelo número formalizações alcançada no Município, tirando dezenas de pessoas do fundo de quintal, gerando emprego e renda, autoestima e reconhecimento ao empreendedorismo da nossa gente”, destaca Edgar Bueno. O “Empreender é Fácil” visa incentivar a legalização dos negócios informais; dar amplitude à Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas; oferecer serviços destinados à constituição e abertura de estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviços e proporcionar acompanhamento técnico contábil, planejamento e assessoramento empresarial, além de apoiar e incentivar os pequenos negócios. Números do Empresa Fácil A Sala do Empresário, localizada no Paço Municipal de Cascavel, é modelo no Paraná e já recebeu mais de 30 comitivas de vários municípios do Estado, do Brasil e até de países vizinhos, para conhecer o sistema implantado. Desde maio de 2010 foram realizados 27.211 atendimentos, emitidos mais de 9 mil CNPJ’s e capacitadas mais de 10.700 pessoas. No período quase 11 mil declarações de Imposto de Renda foram realizadas gratuitamente. Sede Norte Em dezembro de 2015 foi implantada a Sede Administrativa Região Norte da Prefeitura de Cascavel que, além de oferecer serviços da administração pública - como protocolo, emissão de boletos referentes a taxas de IPTU, Alvará, Lixo, asfalto, ITBI, ISSQN - abriga a segunda Sala do Empresário e o Banco do Empreendedor - Fomento Paraná. Em três meses, já são 1.679 atendimentos. Cinco servidores municipais atuam na sede, que está localizada na Avenida Papagaios, 1.127, Jardim Floresta. Etapas Para chegar à classificação do Prêmio, o Município passou por várias etapas. Uma delas ocorreu no dia 10 de março de 2016, quando o Comitê de Avaliação do Prêmio visitou o Município para evidenciar as ações apresentadas no projeto. “Ao todo, 60 julgadores avaliam minuciosamente cada projeto”, explica o avaliador do Sebrae, Flávio Locatelli Junior. Os primeiros colocados de cada categoria na etapa estadual ficarão classificados para a etapa nacional do Prêmio, que será realizada no dia 10 de maio na Sede do Sebrae Nacional em Brasília. 2012 Em maio de 2012, Cascavel conquistou o Prêmio Nacional Sebrae Prefeito Empreendedor, em sua 7ª edição, na Destaques Temáticos: Formalização de Pequenos Negócios e Apoio ao Empreendedor Individual. Nessa mesma categoria, Edgar Bueno venceu, em novembro de 2011, a etapa estadual do prêmio, cuja premiação ocorreu em Foz do Iguaçu. Parceiros São parceiros do Empresa Fácil e da Sala do Empresário: Acic, Amic Oeste, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, CDL, Correios, CRC/PR, FIEP, Fomento Paraná, Jucepar, Sebrae/PR, Fecomércio PR – Sesc – Senac, Procon, Sicoob Cascavel, Sicredi, Sincovel Oeste, Sindicato Rural Patronal, Sindilojas, Unicesumar, Univel, Unioeste e Unipar.