05/12/2015 - Município inaugura Sede Administrativa Região Norte
A Prefeitura de Cascavel, por meio das secretarias de Desenvolvimento Econômico, de Administração e de Finanças, inaugurou neste sábado (5) a Sede Administrativa da Região Norte – da Prefeitura de Cascavel. O evento contou a presença dos deputados estaduais André Bueno e Adelino Ribeiro, do coordenador regional Oeste, Severino Folador, vereadores, secretários municipais, representantes da região Norte, representantes de entidades empresariais, equipe da Semdec , do Papai Noel e da comunidade. No local, que passou a funcionar experimentalmente nesta semana, a população terá acesso a serviços da administração pública, tais como: protocolo, emissão de boletos referentes a taxas de IPTU, Alvará, Lixo, ISSQN. A sede também contará com os serviços da Sala do Empresário e do Banco do Empreendedor – Fomento Paraná. Cinco servidores atuarão no atendimento à população. “Toda a equipe que vai atender nesse espaço mora na região Norte, uma região pujante da cidade. Aqui tem tudo, panificadora, mercado, restaurante, farmácia, serviços de saúde. E onde tem tudo, tinha de ter também a extensão dos serviços da prefeitura, para atender diretamente à população”, destacou o prefeito Edgar Bueno. “A ideia, com a implantação da sede administrativa, é levar os serviços para mais próximo dos cascavelenses, facilitando o acesso. Na medida em que aumentar a demanda no local, aumentaremos também o quadro de servidores e gradativamente vamos melhorando os serviços”, frisou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso. “Esta é uma importante iniciativa da Prefeitura, que trouxe esses serviços à região Norte. Com certeza, vai fazer com que Cascavel se destaque ainda mais”, ressaltou o presidente da Acic, Alci Rotta Junior. “Cascavel fez um belo trabalho com o Empresa Fácil, se destacou fora da cidade e dentro dela. Quanto começamos com esse trabalho, fomos buscar informação fora e agora já estamos ampliando o serviço, dentro da cidade”, destacou o gerente do Sebrae, Orestes Hotz. A Sede Administrativa da Região Norte está localizada na Avenida Papagaios, 1127, Jardim Floresta. O atendimento, a partir de segunda-feira (7), será de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 12 horas e das 13h30 às 17h30. “Esse serviço é muito importante, a unidade ficou maravilhosa e com certeza vai ajudar e muito a população da região Norte. Estamos muito felizes com isso”, frisou a presidente do bairro, Josefa Alves Pereira dos Santos.
23/11/2015 - Prefeitura recebe 2ª Mostra de Empreendedorismo dia 27
O Paço Municipal será o palco, nesta sexta-feira (27), da 2ª Mostra de Empreendedorismo. A atividade é realizada pelo Programa Empresa Fácil, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, por meio da Sala do Empresário e parceiros do programa. A mostra será realizada durante todo o dia, com a participação dos microempreendedores individuais formalizados pelo Programa Empresa Fácil, os quais irão expor e comercializar produtos, dentre eles cosméticos, lingerie, vestuário, alimentos e artesanatos. “O objetivo é ofertar espaço para que os microempreendedores comercializem os produtos, incentivando-os na continuidade das empresas”, destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso. A atividade ainda visa demonstrar a possibilidade dos artistas buscarem a formalização, como no caso das apresentações culturais que serão realizadas no período da noite. Também serão apresentados cases de sucesso, com empreendedores que iniciaram como MEIs (Microempreendedores Individuais) e hoje são proprietários de empresas de maior porte. O evento será encerrado com a palestra “Escrevendo o Próprio Futuro”, ministrada por Nereu Mattiello, credenciado do Sebrae. Como participar A participação na Mostra é totalmente gratuita e aberta à comunidade. Para o período da noite é necessário fazer uma inscrição prévia, por meio do telefone 3321-2070, na Sala do Empresário. Confira a programação 10h às 18h - Exposição e comercialização de produtos 19h - Apresentações artísticas 19h30 - Cases de sucesso 20h - Palestra “Escrevendo o Próprio Futuro” – com Nereu Mattiello  
10/11/2015 - Lei Complementar nº 147/2014 é apresentada aos gestores do CGM
O Comitê Gestor Municipal de Cascavel se reuniu, na manhã de hoje (10), na sala de reuniões do Centro de Convenções e Eventos de Cascavel. Na ocasião, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso, destacou que neste mês de aniversário do Município será inaugurada a Sede Administrativa Região Norte, onde serão realizados diversos atendimentos, da Sala do Empresário e da administração pública como protocolo e emissão de boletos referentes a taxas de IPTU, alvará e lixo. A sede contará com quatro servidores públicos que serão remanejados. No encontro também foi discutida a Lei Complementar nº 147/2014, que altera a Lei Complementar nº 123/2006. Quem fez a apresentação foi a consultora regional do Sebrae/PR, Janete Felippe. A atualização estabelece novos procedimentos para as licitações, compras governamentais. A Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, mais conhecida como Lei Complementar nº 123/2006, instituiu o Estatuto Nacional da Microempresa (ME), da Empresa de Pequeno Porte (EPP), do MEI (Microempreendedor Individual) e estabeleu normas gerais de tratamento diferenciado a ser dispensado às MEIs, MEs e EPPs no âmbito dos poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Os principais benefícios aos empresários com a Lei 147 são: o prazo para a comprovação de regularidade fiscal, que se estendeu de dois dias para mais dois e de cinco para mais cinco; tratamento favorecido às microempresas e empresas de pequeno porte nas licitações, que passa a ser obrigatório e não mais facultativo, além de contar com processo exclusivo nas licitações públicas até R$ 80 mil; nas compras diretas as contratações passam a ser preferencialmente às micro e pequenas empresas. Amplia o processo de simplificação e para o microempreendedor individual, agricultor familiar e empreendedor da economia solidária fica isentos de taxas e outros valores relativos à fiscalização da vigilância sanitária. Quanto à tributação a LC nº 147 inclui novos serviços como medicina, advocacia, arquitetura, engenharia, representação comercial, pericia, auditoria, consultoria, agenciamento entre outros e cria nova tabela. A diretora do Departamento de Compras, Marly do Rocio Corrêa, presente no encontro, destacou a “importância do conhecimento sobre essa alteração para aplicar de forma correta e legal”. Na oportunidade, a diretora colocou o departamento à disposição dos gestores e os convidou a fazerem uma visita para conhecerem os procedimentos realizados.
29/10/2015 - Prodec ganha destaque em seminário regional de líderes
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso, apresentou hoje (29), no Sebrae, a Lei nº 5.422/2010 do Prodec (Programa de Desenvolvimento Econômico de Cascavel), durante o Seminário de Líderes do Paraná do Programa Cidade Empreendedora do Oeste. Trata-se de uma ação integrada entre o Programa Cidade Empreendedora e a linha estratégica de liderança, que tem objetivo de fortalecer o papel de líderes, frente ao desenvolvimento regional. Além disso, apresentou-se iniciativas que geram a transformação nos municípios, por meio do apoio às micros e pequenas empresas. Carlesso apresentou números de empresas instaladas em Cascavel e falou da importância dos incentivos para ampliar a industrialização na cidade, uma vez que o setor industrial tem grande potencial de exploração. “Desde a implantação do Prodec, em 2010, já foram concedidos um total de R$ 3.259.246,64 em isenções, o que representa um grande incentivo ao desenvolvimento e à geração de emprego e renda”, destacou o secretário. O Prodec tem como objetivo fomentar o desenvolvimento socioeconômico, por meio de incentivos e ações voltadas aos setores da indústria, do comércio e da prestação de serviços e oferece isenção de vários tributos, pelo prazo de até dez anos. Dentre os benefícios e isenções estão a taxa de Licença para execução da obra; IPTU; ISSQN; taxa de Alvará; taxa de licença sanitária e ITBI. Há ainda a concessão de Casulos Industriais, os quais localizam-se nos Núcleos Industriais. Eles são adquiridos por meio de disputa pública, com pontuação de acordo com a geração de emprego, tempo de atividade da empresa e participação em programas de desenvolvimento econômico do Município. A empresa pode permanecer no Casulo pelo um período de até dois anos. No ramo da prestação de serviços Cascavel tem hoje 12.031 empresas, o que corresponde a 46,7% do total. Outras 7.377 são de comércio, o que representa 28,06% e 4.608 mistas, representam 17,9% do total. A indústria corresponde a 6,7% do bolo, com 1.734 empresas formais. Estão elegíveis ao programa indústrias instaladas no Município e empresas instaladas nos Núcleos Industriais. Para obter o benefício é necessário não possuir débitos com o Município, estar com o Alvará de Funcionamento atualizado e apresentar documentação exigida em lei.  
27/10/2015 - Comitiva de Roraima conhece o Programa Empresa Fácil
Uma comitiva do Estado de Roraima conheceu hoje (27) a Sala do Empresário e o Programa Empresa Fácil implantado em Cascavel há cinco anos. A visita técnica foi conduzida pelo secretário de Desenvolvimento Econômico, Paulo Carlesso, pelo gerente da Sala do Empresário, Sócrates Reis, e pela agente de Desenvolvimento, Janete Weschenfelder. Periodicamente a Sala do Empresário recebe a visita de municípios de todo o País e hoje foi a vez de técnicos e representantes do Sebrae dos Municípios de Iracema, Rorainópolis, Bonfim, Pacaraima, Cantá, Normandia, Boa Vista e Mucajaí.   Foram detalhados tanto o processo de implantação do Empresa Fácil como da Fomento Paraná, com destaque para as parcerias que garantem a continuidade dos programas. A Sala do Empresário, por exemplo, desde maio de 2010, quando foi implantada, já atendeu 22.595 pessoas e emitiu 8.395 CNPJs. Pelo programa de capacitação gratuito já passaram 10.336 pessoas e 336 empresas migraram para microempresa. “São números expressivos, que mostram o sucesso deste programa que tem sido referência para municípios de todo o Brasil. Queremos chegar aos seis anos com 10 mil CNPJs”, destacou o secretário. São parceiros do Empresa Fácil: Acic, Amic Oeste, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, CDL, Correios, CRC/PR, FIEP, Fomento Paraná, Jucepar, Sebrae/PR, Fecomércio PR – Sesc – Senac, Procon, Sicoob Cascavel, Sicredi, Sincovel Oeste, Sindicato Rural Patronal, Sindilojas, Unicesumar, Univel, Unioeste e Unipar.